Skip to Content

Category Archives: Notícias

LIPTON – Chá com a gente

 

Campanha criada e produzida pra Lipton pela Acontece Comunicação e a 15Segundos para Unilever.
Criação e Planejamento: Acontece Comunicação – Jorge Motta
Produção: 15Segundos
Canal: Discovery Channel
Agência: Lowe

 

 

 

0 Continue Reading →

HypeCast  – Bate Papo sobre Automação de Marketing com Daniel Fonseca e Andrea Bessa

HypeCast-25-848x450

 

Por Ricardo De Lucia Leite

Neste vigésimo quinto episódio batemos um papo muito bacana sobre automação de marketing com Daniel Fonseca e Andrea Bessa, líderes consultivos da Acontece Comunicação.

O HypeCast é um talk show de rádio on-demand da HyTrade Marketing Digital. Ele é projetado para ajudar os profissionais de marketing e empresários ocupados a descobrir as últimas tendências sobre marketing, tecnologia e negócios, além de se manter em dia com a melhor análise sobre as notícias de mercado.

Este programa está superbacana, pois tivemos a visita especial da Andrea Bessa e do Daniel Fonseca, ambos da Acontece Comunicação, nossa agência parceria em desenvolvimento de mercado, e batemos um papo muito completo sobre automação de marketing, além da Andrea compartilhar conosco a sua experiência de ter morado em Singapura. Não deixe de conferir!

Daniel Fonseca é profissional de marketing com mais de 20 anos de experiência, pós‐graduado pela HBS, ESPM, ITA e FGV. Trabalhou na TV Globo por mais de 10 anos desenvolvendo projetos comerciais multiplataforma para TV, Internet e Cinema. Atualmente é consultor de marketing, sócio-fundador e diretor executivo da Acontece Comunicação.

Andrea Bessa é pós-graduada em Gestão da Comunicação Organizacional Integrada pela Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia e graduada em Comunicação Social / Jornalismo pela UFBA. Possui vasta experiência na área comunicação, passando por várias empresas e atualmente é consultora associada responsável pelo atendimento aos clientes da Acontece Comunicação no Estado da Bahia, com foco na prestação de serviços em marketing e comunicação corporativa.

O programa desta semana

5 Continue Reading →

Spicy – Campanhas de Marketing

Criamos e produzimos a mais recente campanha promocional da Spicy. Esta é a terceira vez que cuidamos da campanha anual da marca, conjuntamente com a Discovery. O campanha criada conta com vídeo em animação para divulgar a promoção anual da loja especializada em equipamentos de cozinha. 

A Acontece é a melhor agência de marketing brasileira. Há 10 anos, ajuda a desenvolver mercado para algumas das melhores marcas nacionais, como é o caso da Spicy. Nossa área de criação e produção, desenvolve campanhas para tv e web unindo estratégias audiovisuais e inteligência de produção para ampliar o ROI dos investimentos dos nossos clientes.

A primeira campanha criada para Spicy trazia alguns dos mais famosos chefs mundiais:

Conheça mais dos nossos trabalhos de produção aqui.

 

A SPICY

Hoje quando pensamos em Cozinha, Mesa e Bar é impossível não pensar em Spicy.
Com mais de 30 lojas e presente nas principais capitais, a Spicy é reconhecida como a marca que concilia designqualidade e funcionalidade em tudo o que faz.

Seus fundadores, em 1996 vislumbraram um mercado que estava prestes a se desenvolver em nosso País: o varejo especializado. Desde a inauguração das 2 primeiras lojas: – Shopping Morumbi (SP) e Fashion Mall (RJ), a Spicy mantém o objetivo de selecionar e trazer o melhor em utensílios para CozinhaMesa e Bar.

0 Continue Reading →

5 estratégias para fazer o e-commerce decolar

crm-e-automacao-de-marketing

Apesar do varejo ter fechado o primeiro semestre do ano com queda de 7%, as vendas no e-commerce cresceram 5,2% no mesmo período. A estratégia de quem vende on-line é determinante para que o consumidor tenha uma boa experiência e retorne para comprar mais.

AUTOMAÇÃO DE  MARKETING

Automação de Marketing pode ser resumida como a possibilidade de aumentar as vendas das empresas sem precisar de mais vendedores. Simples assim. Da mesma forma que a indústria produz mais carros sem necessariamente contratar mais pessoas. Automação de marketing é a união de tecnologias e processos para interessados em vendas e marketing, com o objetivo de aumentar a eficiência e os resultados das atividades do marketing. Na Acontece, usamos os softwares Act-On e o HubSpot para nos ajudar a aperfeiçoar a nossa relação com o nosso cliente.

FIQUE ATENTO AO QUE DIZ O BIG DATA 

O cruzamento e a análise de dados revelam muito sobre o cliente e seus hábitos de consumo. E essas informações podem ser usadas em favor das vendas, ajudando as empresas na tomada das melhores decisões. Graças ao big data, uma companhia aérea descobriu como os membros do seu programa de fidelidade estavam gastando com os seus concorrentes diretos. Conclusão da análise: 400 milhões de dólares em oportunidades desperdiçados. A partir dessas informações, a companhia passou a adotar uma estratégia de marketing mais certeira. Associado aos programas de fidelidade, o big data é capaz não só de coletar dados, como de entender quanto e como os consumidores gastam, onde costumam comprar e com que frequência o fazem.

SEJA OMNICHANNEL 

Consumidores multicanal são mais fiéis e gastam até 40% mais. Portanto, o futuro do varejo depende da integração dos canais on-line e off-line. Os dispositivos móveis, por exemplo, deixaram de ser tendência para virar uma plataforma de consumo. Estudos apontam que, até o fim do ano, 19% das vendas do e-commerce ocorrerão em smartphones e tablets, sendo que, em 2021, esse número deve saltar para 41%.

CRIE PROGRAMAS DE FIDELIDADE 

Os programas de fidelidade são, segundo os próprios consumidores, uma das principais ferramentas para mantê-los fiéis a uma loja ou marca. Esses benefícios podem se dar, por exemplo, por meio de salas exclusivas em aeroportos, cashback (retorno de um percentual pago), troca de pontos por recompensas, ou programas como o Surpreenda, no qual o cliente compra um produto e leva dois. De acordo com pesquisas, quem participa de programas de fidelidades usa 2,5 vezes mais o cartão de crédito e gasta até 14% mais no de débito. Eles também estão 16 vezes mais propensos a recomendar uma loja. Com esse tipo de estratégia, as empresas conseguem atrair, reter e aumentar o número de clientes.

INVISTA EM MEIOS DE PAGAMENTO FACILITADOS 

As pessoas usam, em média, oito senhas por dia para acessar diferentes tipos de conta. O problema é que 85% delas esquecem o código. Para piorar a situação, mais da metade dos consumidores brasileiros abandonam o carrinho de compras quando isso acontece. Uma das formas de evitar a desistência é investir em métodos de pagamento seguros e inteligentes. No Brasil, por exemplo, já existem tecnologias que permitem ao consumidor adquirir um produto ou serviço sem a necessidade de inserir os dados cada vez que visita um site de compras. Esse tipo de solução não só acelera a finalização da compra, como aumenta a taxa de conversão das vendas on-line.

INVISTA EM SEGURANÇA 

O custo da fraude on-line pode se tornar uma ameaça aos negócios, pois além de ter que arcar com o chargeback (o estorno do valor da compra), o site corre o risco de perder o cliente. Por isso, é importante investir em medidas de segurança, como aplicativos que aumentam não só a segurança da compra, como dos dados do comprador. Por meio da tokenização, algumas opções de pagamento já substituem o número pessoal de conta dos cartões de crédito e débito por outro. São esses dados que ficam armazenados no dispositivo móvel, oferecendo mais tranquilidade e proteção aos consumidores e aos estabelecimentos comerciais.

Fontes: (1) IBGE/Ebit , (2) Google Consumer Survey, campo de 18 a 20 de Maio, (3) Forrester

Data Custom Web-Influenced and Online Retail Forecast, 2016 to 2021 (4) Mastercard

0 Continue Reading →

Como as inovações digitais mudam mercados e consumidores

A

Aplicativos que oferecem serviços on-line povoam nossos smartphones. Os apps automatizam e simplificam tarefas que antes exigiam burocracia e atenção elevadas para serem feitas. O Uber é o maior exemplo disso: ele coloca donos de automóveis e pessoas que precisam se deslocar em contato direto. O proprietário do carro, uma pessoa física, passa a ser ele mesmo uma empresa — e a portar-se e faturar como uma.

Outro exemplo é a Contabilizei, empresa de Curitiba que oferece serviços de contabilidade on line — e por
um preço bem menor que o dos contadores tradicionais. A companhia, criada por Vitor Torres, nasceu de uma necessidade. “A ideia da Contabilizei surgiu em 2012, quando eu já tinha contratado mais de quatro escritórios de contabilidade para cuidar da minha pequena empresa. Eu sempre senti que os serviços de contabilidade poderiam sair da idade do papel e ser econômicos e inteligentes. Hoje, tudo é on line, por que a contabilidade não deveria ser?” Segundo ele, a base de clientes cresceu 1.200% em um ano. “Estamos empenhados em impactar um número ainda maior de micro e pequenas empresas. Este ano iniciamos o atendimento a comerciantes.”

Um dos elementos que favorece a chamada “uberização” no Brasil é a crise econômica, que leva profissionais a buscar renda extra. Há também o desejo dos mais jovens de trabalhar de forma menos engessada, não se submetendo às amarras de uma empresa normal.

C

A Cabify, por exemplo, tem por objetivo substituir o uso do carro particular nas grandes cidades. Tal como o Uber, ela permite que os usuários solicitem um motorista particular. Mas ao contrário do serviço mais conhecido, o preço cobrado pela companhia não varia conforme a demanda ou eventuais especificidades — ele é fixo. “Só cobramos o quilômetro rodado. Não levamos em consideração o tempo de viagem. Se o usuário ficar parado no trânsito, não pagará mais por isso”, afirma Daniel Velazco-Bedoya, head de Operações e Logística no Brasil. “Para o passageiro, outra vantagem é saber exatamente quanto vai gastar assim que inserir os dados dos pontos de partida e chegada.”

A empresa existe desde 2011 na Espanha, México, Peru, Chile e Colômbia. Tem como principal investidor a gigante do e-commerce Rakuten, dona do Viber. No Brasil, chegou a São Paulo em junho. Deve estender em breve o serviço para Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Goiânia e Porto Alegre. Há um potencial grande para empresas do tipo. São segmentos em que há demanda constante, e os consumidores não se importam com ter um profissional diferente atendendo em cada chamada.

D

O Airbnb é outra companhia famosa que utiliza o recurso. O modelo de negócios da empresa consiste em colocar em contato viajantes e pessoas que têm para alugar, por alguns dias, uma casa, um quarto, ou mesmo um espaço no sofá. Hoje, o aplicativo é a maior plataforma de hospedagem alternativa do mundo, formando uma comunidade que conecta pessoas em 191 países, possibilitando-lhes viajar, hospedar-se e viver, mesmo que por alguns dias, como moradores locais.
No Brasil, o Airbnb conta com mais de 80 mil anúncios nos 27 Estados e em 670 cidades. O país é o maior mercado da empresa na América Latina, tanto em número de anfitriões como de viajantes.

O Rio de Janeiro tem sido um dos principais alvos do Airbnb mundial em 2016. No ano passado, o Airbnb tornou-se fornecedor oficial de hospedagem alternativa dos Jogos Olímpicos Rio 2016, e a empresa espera um aumento considerável no número de reservas na capital fluminense durante os jogos em agosto. De 2015 para 2016 o crescimento de acomodações na cidade foi de 46%, e há expectativa de que até o fim deste ano o aumento seja ainda maior. Até a conclusão desta edição, eram mais de 55 mil hóspedes de 94 países com reservas para o período da Olimpíada.

No meio do caminho entre o Uber, o Cabify e o Airbnb, está o Fleety, que combina os dois modelos: proprietários de carros podem cadastrar seus veículos e alugá-los para outras pessoas quando não os estiverem usando — simples assim. “Todo o processo de locação é feito pelo site/aplicativo, sendo o Fleety responsável por toda a parte de segurança da operação. A retirada e a devolução do veículo são negociadas diretamente entre motorista e proprietário”, comenta André Marin, cofundador e CEO da empresa.

E

A receita do chef

Pedro Barros é o criador do Chefex, site que conecta chefs de cozinha a consumidores interessados em ter um desses profissionais em sua casa preparando um jantar ou almoço especial. A empresa, que nasceu em Belo Horizonte, seleciona criteriosamente os chefs que oferecem seus serviços pela plataforma.

“O cliente não tem nenhuma preocupação quando nos contrata, pois garantimos a compra dos ingredientes, a preparação e o serviço in loco”, afirma Pedro Barros, criador do site. “Nossos próximos passos serão a integração com lojas virtuais para venda de vinhos e cervejas especiais, e a expansão de nossas atividades para 10 Estados nos próximos seis meses.”

Um aplicativo semelhante, o Le Chef, oferece os mesmos serviços. “Um de nossos diferenciais é estar disponível não somente no site, mas também pelo aplicativo mobile, o que facilita o acesso ao consumidor — cada vez mais conectado por smartphones”, afirma Maria Cristina Manuchakian, sócia da startup.

Sites como o Chefex e Le Chef Brasil atendem uma necessidade tão antiga quanto o próprio capitalismo: encontrar bons profissionais que prestem serviço de qualidade. A diferença é que a internet facilitou enormemente o processo.

Há empreendedores que se especializaram em lançar negócios do tipo. Fernando Saddi, da Easy Carros, é um deles. “Eu comecei a Easy Carros no início de 2015. Na época, era fundador na Airu, marketplace on line de moda e design, e não tinha tempo para minha vida pessoal”, conta ele. “Um dia, quando estava saindo do escritório com um amigo meu, o Márcio William, um dos fundadores da Easy Taxi, ele me falou que meu carro estava muito sujo, e não dava nem para entrar. Expliquei que os meus horários não batiam com locais para lavar carros. Daí surgiu a ideia de criar um Easy Taxi para este serviço. Nós possibilitamos que as pessoas encontrem, agendem e paguem por serviços automotivos por meio de um site ou aplicativo, enviando profissionais certificados e uniformizados, com antecedentes criminais verificados, sem que o cliente saia do lugar. Realizamos o serviço na própria vaga do cliente em casa ou até mesmo no seu trabalho. E trabalhamos com preços tabelados, o que garante que o cliente tenha um preço justo e não fique preocupado em ser enganado.”

easycarros

Há também duas empresas, a Sontra Cargo e a CargoX, que conectam transportadores rodoviários (caminhoneiros, de forma geral) a pessoas ou empresas que precisam transportar bens. “A transportadora que precisa contratar um caminhoneiro cadastra a carga no aplicativo ou no site, e o sistema envia a descrição a todos os caminhoneiros que atendam esse perfil e estejam próximos do local de saída, ou que procuraram pelo mesmo perfil de carga nas últimas 24 horas”, diz o diretor de marketing da Sontra Cargo, Bruno Torres. “Com um forte DNA de inovação, estamos criando uma maneira diferente de pensar o transporte no Brasil”, afirma seu principal concorrente, o presidente da CargoX, Federico Vega.

Até mesmo atividades inusitadas estão transferindo para as redes e para a economia compartilhada suas ações. É o caso do Canal da Peça, que coloca em contato compradores e vendedores de peças para veículos. “Por ser uma plataforma 100% on line, o Canal da Peça não precisa envolver-se com a gestão de estoque, manuseio de produtos e logística, pois os pedidos são encaminhados aos revendedores. Assim, pode focar suas atividades no desenvolvimento contínuo da plataforma desktop e mobile”, diz Fernando Cymrot, fundador da empresa.

Aproximando médicos e pacientes

publipost-560x467

De um cálculo simples do médico Marcus Vinicius Gimenes, surgiu um dos mais inovadores aplicativos gestados no Brasil. Gimenes percebeu que o preço das consultas médicas poderia ser mais baixo se menos pacientes faltassem nos dias agendados. “Em nossa plataforma, os médicos disponibilizam o tempo ocioso de suas clínicas”, afirma Rafael Morgado, sócio de Gimenes no aplicativo Consulta do Bem. “A empresa tem um objetivo simples, que é tornar a saúde de qualidade mais acessível. Em um país em que 100 milhões de pessoas não têm nenhum tipo de assistência médica, seja pública ou privada, qualquer ajuda nesse campo é muito bem-vinda. Contamos com uma rede de mais de 800 clínicas associadas e mais de 400 mil horários de consultas disponíveis para agendamento, todas com o preço limitado entre 58 e 150 reais”, diz. “A solução é baseada no modelo de economia compartilhada, que beneficia tanto os profissionais de saúde como os próprios usuários.”

Cuidados também são o objetivo do DogHero, só que dirigidos para os animais domésticos. A plataforma digital oferece hospedagem personalizada em residências a cães de estimação cujos donos pretendem viajar. “Os tutores de cachorros que precisam de alguém para cuidar de seus bichinhos em sua ausência podem entrar na DogHero pelo site [doghero.com.br] ou pelo aplicativo para encontrar o melhor ambiente para eles. Na plataforma, é possível selecionar um anfitrião que o atenda no que você precisa: alguém em região mais próxima, com preço dentro do orçamento, com ambiente para cães grandes ou pequenos, ou, em caso de necessidades de saúde, quem saiba aplicar injeção, por exemplo”, afirma o porta-voz da empresa, Eduardo Baer.

Os nichos de mercado em que a uberização pode se manifestar são incontáveis. “A internet rompe não apenas barreiras físicas, mas ajuda pessoas com interesses comuns a se conectar”, afirma André Marin, da Fleety. É a economia do século 21, complexa e acessível ao mesmo tempo.B

 

 

 

FONTE: Forbes Brasil; Mastercard

0 Continue Reading →

5 motivos para não subestimar a força dos smartphones no varejo

mobile2

Até o fim deste ano, 19% das vendas do e-commerce devem ocorrer em dispositivos móveis.

 

 

Em 2021, a projeção é de que essa participação salte para 41%1. Esse crescimento, por si só, já seria suficiente para que as empresas colocassem o mobile no centro das suas estratégias. Mas ainda há outros motivos para embarcar nessa tendência. Confira:

INTERNET, SÓ PELO SMARTPHONE

Nove em cada dez brasileiros têm celular, sendo que 57%da população possui um smartphone. Ou seja, quem não tiver um aplicativo ou um site responsivo, que se adapte ao tamanho da tela do dispositivo, não vai oferecer uma experiência agradável a esse público. “A melhoria no acesso à internet e o crescimento do mobile torna o e-commerce mais atraente para os consumidores”, diz Alexander Tabor, CEO do Peixe Urbano.

“Mas justamente pela variedade de opções e concorrência entre as plataformas, tornar-se um canal diferenciado é, hoje, o nosso maior desafio”.

É PELO MOBILE QUE ELES CHEGAM LÁ

Mais de 35%¹ do tráfego dos principais varejistas já vêm de dispositivos móveis. No Brasil, é o caso de gigantes como C&A (43%)¹, Americanas.com (43%) e Submarino.com (40%). Quem não estiver preparado para essa tendência, perderá espaço para a concorrência. “Na Decolar, 60% das buscas ocorrem em uma plataforma mobile. Mas esse número alto de pesquisas e o crescimento em vendas faz com que o mobile seja hoje nosso principal foco de investimento”, ressalta Fernando Vargas, diretor financeiro da Decolar.com.

INTEGRAR LOJA FÍSICA E E-COMMERCE CONTA PONTOS

O consumidor transita por vários dispositivos e canais ao longo do dia na hora de pesquisar e comprar produtos ou serviços. Para se ter uma ideia, 25%deles já adotam o celular na hora de fazer uma compra dentro da loja. Por isso, ser omnichannel é uma forma de melhorar a experiência do cliente e fazer com que ele volte. Pesquisas indicam, por exemplo, que consumidores multicanal são mais fiéis e gastam até 40%¹ mais. “Os melhores varejistas realmente não diferenciam o físico do digital. Eles precisam oferecer a experiência e a conveniência que o cliente exige, quando ele exige”, avalia Ed Nardoza, editor-chefe da revista Women’s Wear Daily. “A loja física não está morta, mas agora é apenas uma plataforma. O crescimento mais rápido está acontecendo no celular, e as marcas e lojas de maior sucesso estão se adaptando e encontrando maneiras de manter suas identidades consistentes em todos os canais”.

O CELULAR VIROU CARTEIRA

O consumidor busca, cada vez mais, formas seguras e rápidas de pagar. E aplicativos como o Masterpass por Mastercard e o Apple Pay vêm proporcionando isso ao transformar os smartphones em carteiras digitais. Por meio deles, é possível pagar pela internet, com apenas um clique, ou nas lojas físicas, pela tecnologia de aproximação sem contato, apenas apontando o aparelho para a máquina de pagamento. De acordo com pesquisas, 45%dos millennials (aqueles com idades entre 18 e 34 anos) já usam o celular como carteira digital. “O futuro do e-commece está no mobile e na capacidade de realizar serviços e compras com alguns toques, na palma da mão. Hoje, os smartphones são uma extensão dos consumidores”, diz Tabor. “Foi necessário investir em tecnologia para que nos tornássemos não só um site de compras, mas também um e-commerce”.

O FUTURO É PROMISSOR

Além dos meios de pagamento via mobile estarem cada vez mais seguros (um “token”, por exemplo, já substituiu informações do cartão por um número de conta digital habilitado apenas para transações naquele determinado dispositivo), eles também estão mais inovadores. Em países como os EUA e o Canadá já é possível pagar com o smartphone usando a impressão digital ou por meio de selfie. Ou seja, a tendência é que o mobile traga tudo o que o consumidor, cada vez mais conectado e moderno, exige: conveniência, flexibilidade, boa experiência de compra e segurança na hora de comprar e de pagar.

Fontes: Mastercard. (1) Forrester Data Custom Web-Influenced and Online Retail Forecast, 2016 to 2021 (Brazil).

(2) Kantar Worldpanel Comtech. (3) Reality in Retail 2015 report. (4) EMV AND NFC THE TOP PAIN POINT

IN THE PAYMENTS EXPERIENCE—AND HOW TO FIX IT; Square 2016

2 Continue Reading →

APAS 2017

AP_0110_15E_AF_KV_APAS_2017

Como parceiros da Promovisão, organizadora da APAS 2017 – o maior evento de varejo mundial – ficamos responsáveis pela recepção, identificação e desenvolvimento de novos negócios. Recebemos presidentes e diretores de grandes grupos empresariais e cuidamos que sua presença se transformasse em oportunidade de negócios.

Reconhecida mundialmente como a maior Feira supermercadista da atualidade, a APAS Show reúne toda a cadeia supermercadista do Brasil e do exterior em um evento totalmente segmentado, com expositores de diversos países. Além de ser um encontro para relacionamento e negócios, a APAS Show é uma grande oportunidade para ver lançamentos de produtos, as últimas novidades e as tendências do mercado. É a oportunidade perfeita de aparecer para os maiores do mercado e ampliar suas perspectivas de negócios.

A PROMOVISÃO

A Promovisão, empresa da qual participamos do conselho, é uma das principais realizadoras de eventos do país. Com mais de 25 anos de experiência, é responsável por duas das maiores feiras nacionais e pela realização de grandes cases de marketing.

A APAS

Desde que foi criada, em 1971, a APAS – Associação Paulista de Supermercados, entidade de classe que reúne empresários supermercadistas do Estado de São Paulo, vem registrando uma trajetória de sucesso, tendo sempre sua missão como foco e norte das suas ações. Uma de suas metas permanentes é profissionalizar o setor para melhor atender aos anseios do consumidor, além de buscar a excelência na operação, apontar as tendências do varejo e promover a responsabilidade social e a sustentabilidade.

 

negocios apas

 

0 Continue Reading →

Eduardo Kobra

O Kobra é um dos artistas parceiros da Acontece Mercadologia.

 

 

Eduardo Kobra é um expoente da neovanguarda paulista. Seu talento emerge por volta de 1987, na periferia de São Paulo, e logo e espalha pela cidade. Seguindo os desdobramentos que a arte urbana ganhou em São Paulo. Nesse caminho, ele desenvolve o projeto “Muros da memória” que busca transformar a paisagem urbana através da arte e resgatar a memória da cidade. Síntese do seu modo peculiar de criar, por meio do qual pinta, mas também adere, interfere e sobrepõe cenas e personagens das primeiras décadas do século XX, esse projeto é uma junção de nostalgia e modernidade, resultando em pinturas cenográficas, algumas monumentais. Através delas cria portais para saudosos momentos da cidade.

Kobra apresenta obras ricas em traço, luz e sombra. O resultado é uma série de murais tridimensionais que permitem ao público interagir com a obra. A idéia é estabelecer uma comparação entre o ar romântico e o clima de nostalgia, com a constante agitação característica dos grandes centros, como é São Paulo hoje.

Paralelamente, Kobra realiza exposições dentro e fora do Brasil, além de pesquisas com materiais reciclados e novas tecnologias, como a pintura em 3D sobre pavimentos. O artista realizou na Praça Patriarca, no centro de São Paulo, a primeira pintura em 3D sobre pavimento do Brasil. A técnica anamórfica consiste em “enganar os olhos”, a pintura pode parecer distorcida em certo ângulo, mas, vista do ângulo correto, estipulado pelo artista ela se “torna” 3D, apresentando uma incrível variação de profundidade e realismo. O mais recente projeto do artista, chamado “Green Pincel”, visa combater artisticamente os vários tipos de agressões do homem a natureza e ao meio ambiente.

Inquieto e irrefreável em suas buscas criativas, Kobra é hoje, um fenômeno da arte brasileira da neovanguarda que “já” não se permite ignorar.

Fonte: http://eduardokobra.com

0 Continue Reading →

Mentoria de Desenvolvimento de Mercado

mentoria2

Definição de Mentoring

A definição de Mentoria tem sua origem na mitologia grega: na Odisseia, Ulisses está se preparando para lutar na Guerra de Troia, então é obrigado a decidir se deixará para trás seu filho e herdeiro, Telêmaco. O guerreiro lendário deixa então seu filho sob os cuidados e educação de Mentor, um sábio e confiável amigo.

 

O mentoring dos dias de hoje compreende um processo no qual um indíviduo experiente ajuda outra pessoa ou empresas a atingir objetivos e metas em seu desenvolvimento, a partir de encontros, conversas e outras atividades de aprendizado.

Mentoria em Desenvolvimento de Mercado

O processo de mentoria desenvolvido pela Acontece trata exclusivamente na revisão dos vetores de performance e crescimento das empresas. Durante as sessões de mentoria, composto por um roteiro completíssimo de pontos estratégicos, permitindo aos gestores da empresa jogar luz e compreender melhor os mecanismos de relação da empresa com o seus clientes e seu mercado.

O resultado esperado deste processo é a reorganização da gestão da empresa, da sua forma de fazer negócio, de gerir sua imagem e seu relacionamento com o mercado. Invariavelmente, temos uma excelente chance de promover o crescimento das vendas e melhorar o desempenho competitivo.

 

Benefícios do Mentoring Organizacional

O Mentoring em Desenvolvimento de Mercado traz benefícios para a própria organização e para os mentorados.

A organização alcança:

  • Melhora na aprendizagem organizacional
  • Mais rapidez na adaptação de novos colaboradores
  • Maior engajamento e aproveitamento de talentos
  • Melhor capacitação das lideranças
  • Maior aproveitamento dos processos de ascensão funcional e de sucessão
  • Redução de custos com treinamentos
  • Maior produtividade
  • Maior eficiência nas vendas

 

Os mentorados conseguem:

  • Maior rapidez no aprendizado
  • Maior rapidez na ascensão funcional
  • Maior rede de relacionamentos
  • Maior satisfação com o trabalho e com a carreira
  • Maior autoconhecimento e autoconfiança
  • Menor nível de estresse
  • Maior clareza sobre processo de gestão de marketing, comunicação e vendas.

 

mentoria

Roteiro da Mentoria em Desenvolvimento de Mercado

Estes são os pontos abordados durante o processo de Mentoria em Desenvolvimento de Mercado.

 

Identidade e Imagem

– Identidade da Marca;

– Imagem da Marca;

– Planejamento de curto, médio e longo prazo;

– Cenário de Mercado;

– Diferenciais Competitivos.

 

Painéis de Marketing

– Precificação;

– Processos de Atendimento;

– Processos de Venda;

– Processos de Entrega;

– Linha de Produtos. Diferenciais. Qualidade. Embalagem. Percepção do Cliente;

– Comunicação Interna. Ferramentas. Eficiência;

– Comunicação Externa. Ferramentas. Eficiência;

– Ações Promocionais. Ferramentas. Eficiência;

– PDV. Presença;

– Logística;

– Serviço;

– Identidade Visual.

 

Painéis de Relacionamento da Marca

– Sócios;

– Executivos;

– Funcionários;

– Clientes Diretos;

– Clientes Indiretos;

– Influenciadores;

– Concorrentes;

– Fornecedores;

– Imprensa;

– Parceiros Estratégicos;

– Governo;

– Comunidade;

– Trade;

 

0 Continue Reading →

Inteligência de Marketing – A História se repete?

O difícil período que institutos de pesquisa enfrentaram nos anos 1990 pode servir como retrovisor às agências em sua atual concorrência com consultorias.

0 Continue Reading →