Mercado nacional de games não sente a crise e deve movimentar mais de US$ 1,5 bilhão em 2018,

segundo os últimos dados da Newzoo. País conta com 75,7 milhões de jogadores

 

Recentemente nos unimos a TAPPS Games para ajudá-los no desenvolvimento de mercado, ampliando seu share no mercado de games brasileiro. O ano de 2018 representará 17% de crescimento para este segmento econômico, chegando a movimentar cerca de R$ 7 bilhões no mercado nacional.

O mercado brasileiro de games não quer saber de PIB em baixa, riscos políticos ou oscilações do câmbio. Esse é um setor que expande suas fronteiras independentemente das condições da economia do país. Dados divulgados recentemente pela Newzoo mostram que o país contava em 2017 com cerca de 66,3 milhões de jogadores. Os negócios nessa área movimentaram em torno de US$ 1,3 bilhão. Com isso, o Brasil já é o 13º no ranking global e o número um entre os latino-americanos. Para este ano, segundo a pesquisa, serão 75,7 milhões de gamers que devem gerar US$ 1,5 bilhão em negócios.

Os dados da Pesquisa Game Brasil 2018 foram coletados nos meses de fevereiro e março de 2018. Em um universo de 2.853 respondentes únicos neste período que foram questionados sobre seu perfil demográfico e comportamental, bem como diversas particularidades sobre jogos digitais e seus hábitos de consumo dessa mídia. Foram entrevistadas pessoas de todas as classes sociais, com enfoque nas classes A, B e C.

A Pesquisa aponta que 75,5% dos brasileiros jogam, independente da plataforma, jogos eletrônicos. Enquanto isso, 30% dos respondentes afirmaram que consomem jogos de tabuleiro34,9% que jogam jogos de cartas e 24,1%praticam jogos de quadra.

Quando perguntamos sobre as plataformas em que costumam jogar, notamos que o smartphone se mostrou como a plataforma mais utilizada, uma informação observada na PGB 17 que foi reforçada nesse ano. As três plataformas mais utilizadas são o celular/smartphone (84%), o console (46%) e o computador (45%).

Pesquisa Game Brasil 2018 (baixar)